14 maio 2008

Conselhos pré-sociológicos para candidatos a sociólogos (2)

Comos sabes, é frequente encontrarmos expressões do género "a sociologia" ou "do ponto de vista sociológico". Creio que isso é muito tranquilizador, pois remete-nos para entidades que parecem estar acima de nós guiando-nos, remete-nos para algo que parece estar definitivamente constituído, remete-nos para autoridades primeiras que parecem indiscutíveis e para as quais se pede reverência e seguidismo, remete-nos para um conjunto de princípios e de regras tutelares. Não poucas vezes é menos importante o que um determinado fenómeno é ou está a ser em si, do que saber como é que do ponto de vista de Durkheim ou de Weber ele é ou pode ser.
Ora, não há sociologia ou ponto de vista sociológico fora de ti. Os sentidos são teus, tua é a cultura que tens, teu é o grau social que possuis, tua a nacionalidade que te identifica no mundo, teu é o prisma pelo qual encaras ou queres encarar a vida. És tu (e apenas tu - terrível axioma!) quem pode fazer sociologia. Sem dúvida que só podes ser tu sendo ao mesmo tempo outros, sendo o que herdas, o sagrado que recebeste, as representações sociais pelas quais foste educado. Mas a tua primeira obrigação consiste em teres consciência disso, desses determinismos. A tua segunda obrigação consiste em emancipar-te, em obteres a independência, em descolonizares o que te habita ou te querem fazer habitar. Não é fácil? Mas podes tentar, não achas? Começa por te libertares de mim.

2 comentários:

Anónimo disse...

Cada um de nós faz SOCIOLOGIA, como o Professor Serra diz. Eu acrescentaria que cada um de nós faz ECONOMIAS, cada um de nós tem uma certa FILOSOFIA de vida.Mais ainda, cada um de nós "TEOLOGIZA". No entanto, nem todos nós somos SOCIÓLOGOS, nem todos nos somos ECONOMISTAS, nem todos nós somos FILÓSOFOS e nem todos nós somos TEÓLOGOS.

Alguns de nós, como o Professor Serra, têm competência teórica para escalpelizar uma ou várias daquelas disciplinas. Alguns de nós, como o Professor Serra, porque leram os precursores, podem cita-los, como forma de dar autoridade ao que dizem.

Creio que isso é bom. Quantos grandes teóricos da sociologia eu próprio conheci através das citações do Professor Carlos Serra? Vários na verdade!

Pessoalmente é com agrado que vejo vários jovens estudiosos moçambicanos, na sua maioria jovens, fazendo justamente aquilo que o Professor Serra vem fazendo há décadas: Falar com autoridade, em alguns casos falando mesmo normativamente, das áreas do saber em que se formaram.

Obed L. Khan

intimidades disse...

é mais facil pensarmos que "tu" tens as respostas do que irmos a procura delas nos proprias, isso ia tirar-me da ilusao que o mundo se resume a um dia de trabalho com sucesso, um bom jantar, um bom filme, e uma noite bem passada. As perguntas exigem respostas que nao queremos ter o trabalho de responder, entao acabamos por nao perguntar

Jokas

Paula