27 dezembro 2009

Samora


Na marginal da cidade de Maputo, o lindo e extenso trabalho do nosso pintor Naguib e de seus estudantes, num mural para a nossa história, em frente ao Clube Naval, junto ao Índico. Fixei o que estais vendo (o mural é extenso), era samoriana. Cliquem com o lado esquerdo do rato sobre a imagem para a ampliar.
Nota: sei que sou péssimo a fotografar. Mas como sou teimoso, ando seriamente a pensar em adquirir uma boa máquina fotográfica que ajude a disfarçar a minha inépcia e dê por bom o que é mau no fotografador. Favor não rirem!

1 comentário:

Carlos disse...

Independetemente da qualidade das fotos, o fato é que elas captam coisas singelas do nosso cotidiano que muitas vezes passam batidas. É incrível como muitas vezes precisamos do olhar do outro para nos darmos conta do que nos rodeia. Força!