25 dezembro 2007

Sur le carreau

Acho que as línguas têm espíritos muito específicos, intraduzíveis.
Por isso tenho dificuldade em traduzir para português a expressão francesa sur le carreau, que eu próprio criei. Eventualmente algo como com o joelho em terra talvez se aproxime do sentido em francês. Os habitantes do livro com a imagem à esquerda são aqueles que estão, regra geral, na corda bamba da vida, na precariedade social, aqueles pelos quais luta o nosso rapper Azagaia. Então, se sabe francês, pode ler esse livro aqui.

4 comentários:

AGRY disse...

É dificil a gente compreender bem as criaturas e não creio que possamos compreender ninguém a fundo, a não ser os nossos compatriotas, pois os homens não são somente eles; são também a região onde nasceram, a maschamba ou a casa da aldeia onde aprenderam a andar, as lendas que ouviram dos mais velhos, a comida que se alimentaram, as escolas que frequentaram, os poetas que leram e o Deus em que acreditaram (a partir de O Fio da Navalha de S. Maugham).
Li ,de um fôlego, umas tantas páginas antes do ritual do duche .
A primeira degustação é um convite ao regresso. É o que farei.
Estaremos, aparentemente, na presença de uma radiografia sinistra da história das duas últimas décadas da sociedade moçambicana!
Não será, ao invés, um diagnóstico realista produzido por quem vive e estuda os problemas com que se debate o País real?
Sem ruídos, sem autoproclamações snobs, os dramas dos “habitantes do livro” são frequentemente comentados, pelos leitores, no Diário de um Sociólogo. É que não é indispensável a frequência de um Conservatório para se dispor de sensibilidade musical. Não o é para entender Beethoven. Não o é , seguramente, para se denunciarem situações vividas e observadas no quotidiano das suas existências
Um 2008 recheado de sonhos, para o autor e para todos os habituées deste Diário
Um abraço
Agry

Carlos Serra disse...

Obrigado, obrigado tb pelo Marx do youtube e abraço!

Unknown disse...

Caríssimo CS, fiquei com uma vontade enorme de ler o livro ...

Mas onde e como ?

( o comentário de Agry tb me despertou enorma interesse ... vou procurar)

Atlântico Abraço :))

Carlos Serra disse...

L’Afrique:
Publications et Dissémination
CODESRIA
Avenue Cheikh Anta Diop X Canal IV
BP 3304
Dakar, CP 18524 Sénégal
Email: codesria@codesria.sn

Ailleurs:
African Books Collectives
Unit 13, Kings Meadow
Ferry Hinksey Road
Oxford
OX2 ODP, UK