17 novembro 2006

Preservativo tem SIDA

Grande parte das trabalhadoras do sexo no distrito fronteiriço de Madimba, província do Niassa, uma parte das quais oriunda do Malawi, não aceita o preservativo alegando que contém SIDA.

2 comentários:

Wetela disse...

...essa crença não me é estranha...pois já ouvi em conversa de bar alguns indivíduos leigos na matéria a discutir esta questão, uns defendiam que o líquido lubrificante que conserva o preservativo continha lá o vírus do SIDA, outros ainda diziam que aquele líquido era sinónimo de que o preservativo não estava em condições de ser usado motivo pelo qual não usava o preservativo nas suas relações sexuais, enfim um monte de "barbaridades" que ouvi sem poder "fazer nada" poe eles...

Carlos Serra disse...

A vida é, sempre, um ponto de interrogação...