O blogue "Diário de um sociólogo" foi seleccionado em 2007 e 2008 pelo júri do The Bobs da Deutsche Welle - concurso internacional de weblogs, podcasts e videoblogs - como um dos dez melhores weblogs em português entre 559 concorrentes (2007) e um dos onze melhores entre 400 concorrentes (2008). Entrevista sobre o concurso de 2008 no UOL, AQUI.
Para todas aquelas e todos aqueles que visitarem este diário, os meus votos de um 2017 habitado pelo futuro, pela confiança, pela tranquilidade e pela saúde. Sintam-se bem e regressem sempre a este espaço criado a 18 de Abril de 2006. Abraço índico.
Myspace Layouts

21 agosto 2015

Sobrevalorização política

Quando grupos sociais disputam politicamente recursos de poder e prestígio, é de regra sobrevalorizarem os seus feitos e transformarem a história numa passarela das suas vitórias, reais ou imaginadas. Não interessa se o que dizem é ou não verdade, o que interessa é que a sobrevalorização robusteça a identidade e a unidade internas e permita segregar em permanência a repulsa pelo adversário. É neste sentido que a história particular dos grupos é defendida como história de todos, como história universal.
Adenda"Os grupos (em particular as classes sociais) são sempre, em parte, artefactos: são o produto de uma lógica de representação que permite a um indivíduo biológico, ou a um pequeno número de indivíduos biológicos, secretário-geral ou comité central, papa e bispos, etc., falar em nome de todo um grupo, de fazer falar e marchar o grupo "como um só homem", de fazer crer - e em primeiro lugar ao grupo que representam - que o grupo existe. (...) A lógica da política é a da magia ou, se se preferir, do feiticismo." - Pierre Bourdieu, Desnudar os pilares do poder, entrevista com Didier Éribon, Libération, 19 octobre 1982 [tradução minha, CS].

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home