O blogue "Diário de um sociólogo" foi seleccionado em 2007 e 2008 pelo júri do The Bobs da Deutsche Welle - concurso internacional de weblogs, podcasts e videoblogs - como um dos dez melhores weblogs em português entre 559 concorrentes (2007) e um dos onze melhores entre 400 concorrentes (2008). Entrevista sobre o concurso de 2008 no UOL, AQUI.
Para todas aquelas e todos aqueles que visitarem este diário, os meus votos de um 2017 habitado pelo futuro, pela confiança, pela tranquilidade e pela saúde. Sintam-se bem e regressem sempre a este espaço criado a 18 de Abril de 2006. Abraço índico.
Myspace Layouts

23 setembro 2013

As rosas de Malherbe da blogosfera moçambicana

Por ocasião da morte da filha de um amigo, o poeta francês François de Malherbe escreveu em 1592 um poema do qual faz parte a seguinte estância: "Mas...pertencia ao mundo, onde as mais belas coisas/Têm vida curta e vã;/E, rosa, ela viveu o que vivem as rosas:/Uma breve manhã."
A blogosfera moçambicana é, hoje, infelizmente, um amontado de rosas de Malherbe. Na verdade, os blogues moçambicanos (muitos deles de autores anónimos) apareceram, viveram algum tempo e depois morreram na sua quase totalidade, num espectro indo dos sérios aos ciberpistoleiros. Restam, aqui e acolá, talvez seis, com três de vida irregular e outros três vivendo parasitariamente do copia/copa, limitando-se a reproduzir as mais sensacionalistas notícias dos jornais. No estrangeiro, dois ou três blogues que se ocupam do nosso país, são literalmente um compósito parasitário de copia/cola/mexerica, entre notícias de jornais e mexericos.  Com o seu chat simplista tu-cá-tu-lá, o Facebook (especialmente) matou os blogues moçambicanos, dos sérios aos medíocres.
No último número da série "Morte dos blogues moçambicanos?", escrevi o seguinte: "Não é a força das redes sociais que faz a fraqueza dos nossos blogues, é a nossa fraqueza que faz a força das redes sociais." Imagem reproduzida daqui.

1 Comments:

Blogger Salvador Langa said...

Ora aqui está, nem mais nem menos.

23/9/13 8:35 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home