O blogue "Diário de um sociólogo" foi seleccionado em 2007 e 2008 pelo júri do The Bobs da Deutsche Welle - concurso internacional de weblogs, podcasts e videoblogs - como um dos dez melhores weblogs em português entre 559 concorrentes (2007) e um dos onze melhores entre 400 concorrentes (2008). Entrevista sobre o concurso de 2008 no UOL, AQUI.
Para todas aquelas e todos aqueles que visitarem este diário, os meus votos de um 2017 habitado pelo futuro, pela confiança, pela tranquilidade e pela saúde. Sintam-se bem e regressem sempre a este espaço criado a 18 de Abril de 2006. Abraço índico.
Myspace Layouts

02 junho 2017

Notas sobre linchamentos em Moçambique [30]

"Segundo dados estatísticos coligidos, o país registou, no ano de 2016, em média, dois linchamentos por semana. Os números demonstram, infelizmente, que os linchamentos tornaram-se uma prática da realidade moçambicana [...]. [...] o linchamento é um problema social que não pode ser solucionado, primariamente, por acções repressivas, devendo dar-se primazia às acções de prevenção como a promoção de debates [...] - Informação Anual do Procurador-Geral da República à Assembleia da República [2017], pp. 37-38.
Confira o número anterior aqui. Número inaugural aqui.  Segue-se a nona e última pergunta, acompanhada da respectiva resposta. [amplie a imagem acima clicando sobre ela com o lado esquerdo do rato]
Celso Ricardo: A Polícia apregoa sempre que ninguém ficará impune diante da prática de linchamento, mas nunca se ouviu que alguém está detido por esta prática. Esta não acção por parte dos homens da Lei e Ordem estará associada ao discurso acima mencionado?
Eu: Várias pessoas têm sido detidas nos últimos anos em conexão com os linchamentos. Permita-me reportar o seguinte, do informe anual de 2010 da Procuradoria-Geral da República (o informe deste ano não está disponível no portal da procuradoria): 78 casos de linchamento (68 em 2008), com 51 homicídios e a instauração de 26 processos-crime.
Adenda às 05:36: confira esta notícia sobre um linchamento em Nampula, aqui.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home