O blogue "Diário de um sociólogo" foi seleccionado em 2007 e 2008 pelo júri do The Bobs da Deutsche Welle - concurso internacional de weblogs, podcasts e videoblogs - como um dos dez melhores weblogs em português entre 559 concorrentes (2007) e um dos onze melhores entre 400 concorrentes (2008). Entrevista sobre o concurso de 2008 no UOL, AQUI.
Para todas aquelas e todos aqueles que visitarem este diário, os meus votos de um 2017 habitado pelo futuro, pela confiança, pela tranquilidade e pela saúde. Sintam-se bem e regressem sempre a este espaço criado a 18 de Abril de 2006. Abraço índico.
Myspace Layouts

29 março 2015

Compare-se

Tendo como pano de fundo a IV Sessão Ordinária do Comité Central da Frelimo e sobre o tema da sucessão de Guebuza na direção do partido, compare-se o conteúdo neutro de um trabalho do "Notícias" digital de ontem [aqui] com o conteúdo hostil à crítica de um trabalho divulgado hoje pelo semanário "domingo" digital [aqui]. Ambos os jornais pertencem à "Sociedade do Notícias, SA".
Adenda às 15:14: Armando Guebuza demitiu-se do cargo de presidente do Partido Frelimo, confira aquiaqui.
Adenda 2 às 16:35: "O presidente da República, Filipe Nyusi, acaba de ser eleito pelo Comité Central presidente do partido Frelimo com 98.4% dos votos". Aqui.
Adenda 3 às 04:57 de 30/03/2015: leia o Mozambique 283 com data de ontem, editado pro Joseph Hanlon aqui.

3 Comments:

Blogger nachingweya said...

Comentário à adenda: Afinal Nietche tinha razão, " uma boa guerra é preferível à uma má paz" . Confirma-o a Frelimo neste lance de integridade e coerência através da IV Sessão do Comitê Central.
É, portanto, também lícito que para Dlhakhama e a RENAMO uma boa guerra seja alternativa à uma má paz.
É ou não é?

29/3/15 4:38 da tarde  
Blogger Salvador Langa said...

Pois claro que também é lícito que chegou o momento em que o Sr Dhlakama deve largar a cadeira de presidente vitalício da guerra das perdizes para a ceder a um sucessor que aprenda que a pior das pazes é sempre melhor que a melhor das guerras. É ou não é?

29/3/15 4:59 da tarde  
Blogger nachingweya said...

Nietche que associa a paz à dignidade humana haveria , de certeza ,de optar por uma boa guerra até que a dignidade humana fosse reposta em todas as vertentes.
A paz colonial era uma má paz. A guerra que acabou com uma tal paz foi uma boa guerra.
A paz - qualquer - que resulte em exclusão de uma parte de um povo dos direitos de cidadania é uma má paz.
A paz actual em Moçambique é uma má paz.
É assim.

29/3/15 5:24 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home